Durante todo o dia de hoje, a Mêda recebe a última sessão do II Congresso de Património Arqueológico do Douro Superior e Baixo Côa, que também passou pelos concelhos de Vila Nova de Foz Côa, Pinhel e Figueira de Castelo Rodrigo.

Perante um auditório repleto, o início da manhã foi dedicado à discussão do projeto do novo museu do Centro Interpretativo do Vale do Mouro, na freguesia da Coriscada, e às apresentações “Hábitos Alimentares Romanos no Baixo Côa: Xixa, Vinho e Pão” (por António Sá Coixão) e “Os Cruciformes enquanto símbolos do Património Imaterial Cristão e Judaico no concelho de Mêda” (Pe. Basílio Firmino).

As sessões contam com a presença do Presidente do Município, Anselmo Sousa, e estão a despertar o interesse de muitos alunos do Agrupamento de Escolas e da Academia Sénior de Mêda.

Durante a manhã e início da tarde estão previstos mais alguns debates e uma visita orientada à Barragem Romana da Devesa e Templo Romano de Marialva. Consulte o programa completo no cartaz abaixo e participe.

[responsive]<[/responsive]