IV Congresso Internacional de Santuários – Santuários, Cultura, Arte, Romarias, Peregrinações, Paisagens e Pessoas decorreu nos dias 13 a 17 de junho em várias cidades do Douro Superior.

A Câmara Municipal de Mêda associou-se a este projecto e apoiou a sua organização por considerar esta ação um importante veículo para o conhecimento e divulgação do património material e imaterial local assim como para a divulgação além-fronteiras do nosso nome enquanto Concelho de Mêda.

O IV Congresso Internacional de Santuários realizou-se este ano, de 13 a 17 de Junho na Régua, Vila Real, Lamego e Mêda, quatro localidades ao longo do vale do Douro – Património da Humanidade. Trata-se de um encontro que tem como característica principal estimular, promover a troca de ideias por parte de estudiosos e interessados nos mais diferentes campos do saber. A ideia de realizar o congresso “Santuários” nasceu da vontade de um grupo de investigadores, pertencentes a diversas universidades europeias e brasileiras para a implementação de uma nova plataforma de diálogo entre as ciências sociais, humanas, exatas, as artes e as diversas expressões do Sagrado ao longo do tempo nas mais diversas localizações geográficas.

[one_half][responsive][/responsive][/one_half] [one_half_last][responsive][/responsive][/one_half_last]

Nesta quarta edição o congresso deu continuidade a essa tradição, onde foram apresentadas comunicações nos campos da antropologia, arqueologia, arquitetura, artes plásticas, dança, economia, geologia, história, história das religiões, medicina, música, museologia, paisagem, património material e imaterial, religião, turismo e afins. Nos dias 16 e 17, na Mêda, tivemos uma sessão especial dedicada aos “Itinerários Culturais do Concelho da Europa” com especial referencia para aqueles ligados ao sagrado.

As comunicações selecionadas serão publicadas em 2 volumes na Revista “Santuários” (números 7 e 8, 2017) que será editada pelo CIEBAUL / CETRAD – UTAD.