Município presta homenagem aos Ex-Combatentes naturais do concelho que participaram na I Guerra Mundial.

O Município de Mêda, prestou ontem, dia 28 de junho, homenagem aos ex-combatentes do concelho, nomeadamente àqueles que participaram na I Grande Guerra que teve lugar entre 1914 e 1918.

Quando passam cem anos sobre o início da Grande Guerra, é tempo de prestar homenagem a todos os portugueses que se bateram nos campos de batalha de África e da Europa, na defesa da sua Pátria e em prol da Liberdade. Sendo que sobre todos se levanta a memória daqueles que caíram e deram a vida por Portugal, nomeadamente os 11 jovens do concelho de Mêda que perderam a sua vida em nome da Pátria. Em Agosto de 1914 os poderes europeus lançaram-se num conflito armado de enormes dimensões, que se prolongou até Novembro de 1918. Além de defenderam o território nacional, incluindo as ilhas atlânticas, os soldados portugueses estiveram presentes na frente de Angola, em 1914-1915; em Moçambique, entre 1914 e 1918; e em França, em 1917 e 1918. Para Angola e Moçambique, Portugal organizou várias expedições militares e para França constituiu um Corpo Expedicionário Português (C.E.P.). Portugal mobilizou mais de 100.000 homens, dos quais mais de 18.000 para Angola, cerca de 30.000 para Moçambique, e mais de 56.000 para França. No total, Portugal perdeu 7.760 homens, a que se somam mais de 16.000 feridos e mais de 13.000 prisioneiros e desaparecidos. Pode aceder no seguinte endereço à lista dos militares do concelho que faleceram no teatro de operações: http://goo.gl/7mwtT6

As celebrações comemorativas que, para além de diversas individualidades, contaram também com a presença do Coronel de Infantaria Francisco Rijo, Comandante do Regimento de Infantaria 14, do Tenente Arménio Farinha, Presidente Núcleo Liga Combatentes Guarda, tiveram início com a abertura da exposição “O Soldado Português na I Grande Guerra” que conta com uma exposição fotográfica comissariada pelo Núcleo da Guarda da Liga dos Combatentes. Para além do material fotográfico, estão também expostos diversos objetos militares cedidos por elementos da comunidade local que tiveram familiares na guerra, o que servirá para enriquecer a nossa história e perpetuá-la para as novas gerações.

De seguida, tiveram lugar no auditório da Casa Municipal da Cultura uma conferência onde foram abordados e debatidos diversos temas sobre a participação de Portugal no primeiro conflito armado mundial. De realçar que apesar da temática ser a I Guerra Mundial, houve uma especial palavra de agradecimento a todos os ex-combatentes portugueses que prestaram serviço à pátria até aos dias de hoje também foram recordados. Para finalizar esta singela homenagem, finda a conferência, no monumento dos Ex-Combatentes procedeu-se à Inauguração do Memorial dos Ex-Combatentes do Concelho de Mêda na Grande Guerra com a participação da Guarda de Honra do RI14, onde o presidente da Câmara Municipal leu uma mensagem endereçada por Sua Exa, o Sr. Presidente da República, Prof. Aníbal Cavaco Silva.

Ficará assim estabelecida uma relação sentimental entre os portugueses de hoje e a memória daqueles que, na Grande Guerra, lutaram e deram a vida pela sua Pátria, assegurando que eles não serão esquecidos.